6 de fev de 2010

Transição

O sol se apagou, se foi

ficou tão frio

A lua também foi embora

ficou tão escuro

Todos se foram

ficou tão quieto

E eu aqui, no escuro, na solidão

meu eu tão sozinho

tão longe, meio louco.

O mundo girando, eu

aqui tão parada.

Tão eu, que eu mesma

não sei onde estou

quero girar não posso

minhas pernas não vão

meus pensamentos não deixam

estou presa talvez a mim mesma;

Lágrimas rolam, não sei bem

porque, tantos motivos há,

talvez nenhum, ou serão vários?

Estou perdida, não consigo

me achar, tudo é tão monótono

os caminhos levam sempre a

mesmos lugares, mas as mesmas

pessoas não estão lá, foram embora,

eu apenas restei, sem sentido algum.

O passado tão longe

e ao mesmo tempo tão perto,

não me deixa em paz.

É tudo tão alegre e tão triste,

Por que tudo é assim?

Nenhum comentário:

Postar um comentário