17 de dez de 2011

Lágrimas

Elevo meus olhos para os montes, de onde me virá o socorro? Salmo 121.1